sábado, 31 de dezembro de 2016

Prefeitura de Jaguaribara encerra 2016 com "superávit"; Franciní não comenta sobre suposta dívida.

Publicado em  sábado, dezembro 31, 2016  |  em  Politíca

Mesmo enfrentando instabilidade econômica devido à crise da piscicultura, Jaguaribara consegue encerrar a gestão 2013-2016 com saldo positivo, segundo prefeito.

Franciní Guedes (PSDB), o prefeito do município, diz deixar a prefeitura municipal com superávit. Isso, do ponto de vista econômico, significa que houve uma diferença positiva para o município, entre uma receita e uma despesa, ou seja, sobrou dinheiro na máquina municipal. Além disso, o gestor do quadriênio já pagou o décimo terceiro salário e antecipou o salário de dezembro.

Franciní Guedes falou com Jaguaribara em Foco e disse que no “cofre” do município estão acondicionados aproximadamente R$ 480 mil de emendas do senador Tasso Jereissati, aproximadamente R$ 150 mil do deputado federal Raimundo Gomes de Matos, ambos da legenda do prefeito, o PSDB, e R$ 100 mil do deputado estadual Antônio Granja destinado a uma ambulância. Está em conta R$ 100 mil também destinados a outra ambulância.

O prefeito ainda afirma que o município detém R$ 530 mil oriundo da repatriação de recursos no exterior e R$ 90 mil do FUNDEB (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica), ambos os recursos serão destinados ao pagamento de dívidas do município, como transporte escolar e CAGECE.

A atual gestão também deixa duas ambulâncias 0km e um carro Doblô, que o município ganhou do Ministério da Saúde por ter reduzido significativamente os índices de dengue.

Franciní Guedes não comentou sobre a suposta dívida da Prefeitura de mais de R$ 2,5 milhões.

Curta e compartilhe

0 comentários:

.
--
Copyright © 2013 Jaguaribara em Foco. by BloggerTheme9
back to top